Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Créditos

Blog destinado a partilhar tudo o que se passa no mundo dos créditos. Os melhores créditos, a melhores taxas de juro, noticias e novidades sobre os créditos.

Blog destinado a partilhar tudo o que se passa no mundo dos créditos. Os melhores créditos, a melhores taxas de juro, noticias e novidades sobre os créditos.

Créditos

28
Set12

Linha de crédito para ajudar empresas já está disponível

adm

Portugal já executou 50% dos fundos comunitários. Linha de crédito de mil milhões de euros vai ajudar.

As empresas que têm projectos com financiamento comunitário já podem dirigir-se ao banco e pedir um crédito para fazer face à contrapartida nacional ou obter alívios de tesouraria. A linha Investe QREN, que deveria estar disponível desde 16 de Agosto, disponibiliza finalmente mil milhões de euros a uma taxa de juro que deverá rondar os 5%.

"Superado com êxito o processo de adaptação dos sistemas informáticos das várias instituições envolvidas e concluída a preparação de todo o instrumental técnico necessário, tarefas de alguma complexidade por estarem em causa empréstimos com várias componentes de financiamento e ‘pricing'", a sociedade gestora do sistema de garantia mútua (SPGM) garante que agora "estão reunidas as condições técnicas para a operacionalização da linha Investe QREN".

A linha tem condições, como um limite de financiamento de quatro milhões de euros por projecto e a obrigação de 10% do montante global do projecto ser assegurado pelo próprio promotor. O prazo máximo de financiamento é de oito anos, com dois anos de carência de capital, e para garantir que o crédito chega mesmo às empresas, os empréstimos são contragarantidos, à semelhança do que acontece com as linhas de crédito do Estado, pelo sistema de garantia mútua, em 37,5%. A linha, que conta com 500 milhões de euros do Banco Europeu de Investimento, visa acelerar a execução do Quadro de Referência Estratégico Nacional - QREN, que atingiu a 15 de Setembro 50% da sua execução, ou seja, 10,7 mil milhões de euros.

"É um marco excepcional. Um progresso que muitos não imaginavam possível, quando há 14 meses atrás, a taxa de aplicação do QREN se limitava a pouco mais de 30%. No QREN, demos um salto de tigre", sublinhou o secretário de Estado Adjunto da Economia, António Almeida Henriques.

O Programa Operacional Potencial Humano é o que apresenta uma taxa de execução mais elevada (58,1%) seguido do Programa Operacional Regional do Centro (48,1%) e do Programa Operacional Regional do Alentejo (47,4%). Já o Programa dedicado às exclusivamente às empresas, o Programa Operacional Factores de Competitividade, teve uma execução de 47,1%.

fonte:http://economico.sapo.pt/

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Politica de privacidade

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D